VERVI BORGES DOS SANTOS / Despachante de Trânsito em Caxias do Sul

 

Em 1968, aos 12 anos de idade, já auxiliava sua irmã que era despachante levando os processos no Departamento de trânsito (Delegacia de Polícia), bem como realizava serviços de banco. Aos 16 anos, assumiu o escritório com outros sócios e, aos 18 já era independente, trabalhando sozinho como despachante de trânsito.
Em Caxias do Sul, Thomas, como também é conhecido o senhor Vervi, é o mais antigo despachante que ainda está trabalhando. Há 12 anos, está estabelecido em sede própria no bairro centro.Trabalhou muito e soube guardar reservas para manter-se profissionalmente e investir em seu negócio.
Com o olhar voltado para os dias de hoje, vê que a categoria diminuiu, mas houve mais qualificação em termos de profissionais no mercado.
Antigamente, o profissional despachante era mais valorizado, porque o serviço tinha que ser através do despachante. Hoje, está mais moralizado uma vez que para tudo tem que haver comprovação, procuração e autorização.
Como profissional, procura manter-se atualizado e oferecer serviços de qualidade aos seus clientes, como por exemplo, oferece o diferencial de enviar, anualmente e, com 30 dias de antecedência, em torno de mil cartas informativas, aos clientes, quanto ao vencimento do IPVA. Com isto, conquista a satisfação dos clientes e a fidelização de serviços.Ter um Sindicato atuante é importante, porque sozinho não se consegue nada. Embora nunca tenha participado das gestões do Sindicato, sempre procurou estar presente ou nomeava um representante seu, quando das reuniões da entidade em sua região e se mantém atualizado com as mensalidades e os recolhimentos obrigatórios junto a entidade. Vê que através do Sindicato, muitas conquistas podem ser possíveis e, com esperança, entende importante à volta ou a inclusão de novos serviços aos despachantes.

Junho/2012